Instalando e utilizando o MSSQL-Cli para o SQL Server

Sempre gostei muito de utilitários de linha de comando, seja pela sua facilidade na execução de tarefas do dia a dia do analista na administração de sistemas, seja pela liberdade de criação de scripts e manipulação de fontes de dados diversas e até mesmo pelo “pseudo- glamour” da figura do hacker que digita comandos insanamente no terminal.

Fonte:
Quem no curso técnico não tinha vontade ser o Pl4gu3_Hcke8rz da parada! – Fonte: 5dwallpaper.com

Quando iniciei meus estudos com banco de dados, o SGBD inicial foi MySQL, que tinha um command-line bem amigável:

Já no SQL Server temos o utilitário SQLCMD que não é aquele utilitário que você gostaria mas é aquele que você precisa, o que nos remete ao uso do – indispensável -Management Studio para consultas, administração de serviços e instancias.

Recentemente no blog do SQL Server vi o anuncio do projeto MSSQL-Cli, uma interface de comando para terminais baseada em Python desenvolvida pela comuniade DBCLI, neste projeto estão em desenvolvimento vários outros “command-line interfaces” pela comunidade, da uma conferida no site e no projeto no github que ta bem legal.

Dentre as funcionalidade do MSSQL-Cli temos:

  • Autocomplete para comandos utlizando o CTRL+Espaço
  • Sintaxe inteligente
  • Resultados “bonintinhos” de consultas na tela
  • Composição de comando em múltiplas linhas
  • Configurações personalizadas em arquivos de configuração(neh!)

Instalação

É necessário termos uma versão de Python em nosso ambiente para instalação do mssql-cli, as versões indicadas são 2.7, 3.4, 3.5 ou 3.6.

Para a instalação do MSSQL-cli é utilizado o gerenciador de pacotes pip, como a instalação do Python por padrão não coloca os utilitário de pacotes no “root path” do seu sistema operacional, portando acesse acesse a pasta de instalação de sua versão de Python no diretório Scripts:

Só avisando, estou utilizando PowerShell para realizar a instalação, mas este pode ser feito em qualquer outro prompt de comando

Outro passo importante para facilitar a instalação é adicionar ao path do sistema operacional, as pastas de instalação do Python, no caso do PowerShell, utilize o comando:

Vamos acessar o diretório de instalação do Python

Logo após acessar o diretório de scripts da instalação do Python vamos executar o pip utilizando o comando:

Caso você encontre erros de conexão segura ao acessar o repositório e pacotes do pip, utilize o seguinte comando:

Após ser realizado o download dos pacotes do mssql-cli, podemos nos conectar em nossa instancia utlizando o comando:

Alguns parâmetros de conexão:

  • -S, –server TEXT Nome/endereço da instancia do SQL Server
  • -U, –username TEXT Nome de Usuário
  • -W, –password Forçar entrada direta com senha
  • -d, –database TEXT Nome do banco e dados para conexão
  • –help Consulta a documentação.

Exemplo de uso:

Exemplo de uso do mssql-cli
Exemplo de uso do mssql-cli

Fontes:

https://blogs.technet.microsoft.com/dataplatforminsider/2017/12/12/try-mssql-cli-a-new-interactive-command-line-tool-for-sql-server/

https://github.com/dbcli/mssql-cli/

Abraço!

Compartilhar é se importar!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *